Saltar para o conteúdo principal da página
Património Cultural

Music 04/11/2015

Recital de Violino com Veronika Schreiber

Realiza-se no dia 11 de abril, às 18h30 um Recital de Violino com Veronika Schreiber  organizado pela Associação dos Amigos do Museu da Música

Entrada: 5 euros

PROGRAMA

J.S.Bach (1685 - 1750)

Sonata em Sol minor BWV 1001

Adagio

Fuga

Siciliana

Presto

(20 min)

 

B.Bartok (1881-1945)

Sonata for solo violin

Tempo di ciaccona

Fuga

Melodia

Presto

(25 min)

Currículo de Veronika Schreiber

Diplomada com distinção pela Academia de Música de Varsóvia, continuou os seus estudos nos Estados Unidos, com Henryk Szeryng e Roman Totenberg. Foi finalista na Competição Alberto Curci em Nápoles e recebeu um prémio especial da Competição Rockefeller por Excelência na Música Americana em Washington.

Solista em orquestras na Polónia, Espanha, Itália e nos Estados Unidos, tocou com artistas como Mieczyslaw Horszowski, Felix Galimir, Peter Wispelway, Ursula Oppens e Alain Planes. 

Foi concertino da Orquestra de Câmara da Polónia, Orquestra Filarmónica de Gran Canaria e New Hampshire Symphony. 

Schreiber tocou ainda com a Orpheus Chamber Orchestra, Boston Symphony Orchestra e a New Eng- land Camerata. 

Participou no Marlboro Music Festival, Bach Aria Festival, Estate di Radicondoli, Monadnock Music e Warsaw Autumn Festival. 

Reconhecida como intérprete da música contemporânea, colaborou com Witold Lutoslawski, Morton Feldman e Samuel Adler, entre outros, e gravou muitas composições escritas e dedicadas a ela. 

Schreiber criou também programas para públicos jovens que foram apresentados em Itália, Polónia e França e ensinou violino e música de câmara no Smith College, na Universidade Massachusetts e em Amherst College. 

No verao de 2015, Veronika Schreiber realizará uma “masterclass” de violino na Borgonha, França (www.schreibermasterclass.com). 

Recentemente instalada em Portugal, continua a sua carreira como solista e violinista de câmara.

 

Crítica internacional: 

“...uma grande artista...” Henryk Szeryng 

“...O seu desempenho do Concerto de Câmara de Berg não foi apenas perfeito, mas destaca-se ainda como o desempenho mais eloquente desta dificílima obra que alguma vez ouvi...” Morton Feldman 

“...possui o temperamento, a capacidade para evocar muitos sentimentos contrastantes, e uma grande variedade de cores tónicas...” Magil “American Record Guide” 

“...um fervor de expressão delicado e perceptivo...(...)...detalhando sem esforço cada nuance das frases...” Catherine Nelson “Strad” Londres 

“...uma interpretação intensa, profundamente viva, em perfeita harmonia com o espírito de Mozart...” “...revelação autêntica...” Rafael Nebot, “La Provin- cia”, Espanha. 

“...Expressão distinta, som e técnica impecáveis...” Krzysztof Baculewski, “Studio”, Polónia. 

“...Uma violinista vivaz com uma técnica moderna formidável, um ouvido extraordinário para a afinação, e muita projecção dramática...” John Dwyer, “Buffalo Evening News”

 

J.S.Bach Sonata for violin and piano BWV 1015 - YouTube

https://www.youtube.com/watch?v=zAUOKRAE37o

Organization:
Associação dos Amigos do Museu da Música; Museu da Música/ DGPC
Local:
Museu da Música, Lisboa