Saltar para o conteúdo principal da página
Património Cultural

Meetings and Conferences 06/19/2015 - 06/19/2015

Conferência Grande Música do Maranhão Imperial por Alberto Dantas

Realiza-se no dia 19 de junho, no Museu Nacional da Música a Conferência  Grande Música do Maranhão Imperial conduzida pelo maestro e musicólogo brasileiro Alberto Dantas Filho

Na conferência será apresentado um passado musical ainda inédito, assim como detalhes da vida cultural do Estado do Maranhão e, mais especificamente, da sua capital, a cidade de São Luiz. 

A conferência "A GRANDE MÚSICA DO MARANHÃO IMPERIAL" partiu do livro homônimo escrito pelo conferencista sobre este tema: desde o século XIX, o desenvolvimento económico do Maranhão Imperial acompanhava uma arte musical de qualidade singular, que mimetizava o que de melhor era produzido na Europa. Esta é uma primeira tentativa de representação de um corpus da música sacra maranhense oitocentista, que revela um passado exuberante e rico na sua essência, mas que ficou silenciado por mais de um século.

 

“Eis aqui o visível benefício que o Maranhão ganha quando confronta e supera o preconceito de um Brasil que, aos poucos, começa a se assumir como plural e se articular na sua múltipla dimensionalidade. Destarte, esperamos que a leitura desta obra provoque novas e maiores
reflexões, que permitam, em tempo hábil, o resgate e devida partilha do nosso tantas vezes negado patrimônio musical histórico nordestino. Finalmente, parabenizamos a visão e comprometimento com os valores culturais maranhenses, norte-nordestinos e brasileiros
manifestado pela a Fundação São Luís Convention and Bureau, sem cujo apoio este magnífico trabalho não poderia ter chegado tão bem realizado e apresentado a você, caro leitor, que está prestes a usufruí-lo em primeira mão, e a quem desejamos uma ótima e proveitosa leitura!”

Prof. Dr. Pablo Sotuyo Blanco
Universidade Federal da Bahia

ALBERTO DANTAS FILHO é carioca, licenciado em Música pela Universidade Federal de Pernambuco, onde concluiu também estudos de Composição e Harmonia Contemporânea com Marisa Rezende. 

Regência de Coro com Marcos Júlio Sergl e Henrique Gregori; Regência de Orquestra com Mário Câncio, Osman Gioya, Henrique Gregori, Sebastian Johannes Grabe e Isaac Karabtchevsky, e flauta com Ilma Lira.
Como diretor, destacou-se pela direção do Coro Feminino Vox Feminæ, da Escola de Música do Estado do Maranhão, e regeu a Orquestra Sinfônica do Projeto Viva 400, durante as comemorações dos 400 anos
de fundação de São Luís, capital, quando foram apresentadas várias obras do repertório histórico maranhense.
Doutorou-se em Ciências Musicais pela Universidade Nova de Lisboa, Portugal.
Na Universidade Federal do Maranhão, onde já atua há 27 anos, dirigiu o Departamento de Artes, o Departamento de Assuntos Culturais
exercendo, por várias vezes, a Pró-Reitoria de Extensão. Fundou o Curso de Licenciatura em Música da Universidade, e participou como
membro representante da Região Norte-Nordeste do Conselho Nacional de Cultura – Ministério da Cultura.
Atualmente, coordena o Grupo de Pesquisas Música no Maranhão Imperial e, durante mais de cinco anos, foi consultor musicólogo do
Arquivo Público do Estado do Maranhão. É membro do RIdIM – Brasil, com importantes trabalhos sobre iconografia musical. Exerce consultoria junto à Reitoria da UFMA para a implantação da Orquestra Sinfônica Universitária.

Organization:
Museu Nacional da Música
Local:
Museu Nacional da Música