Saltar para o conteúdo principal da página
Património Cultural

Legislation 09/14/2021

«Processo de confeção do Tapete de Arraiolos» inscrito no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial (INPCI)

A Direção-Geral do Património Cultural inscreve o «Processo de confeção do Tapete de Arraiolos» no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial (INPCI), determinado desse modo a sua proteção legal.

A inscrição desta manifestação cultural no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial responde aos critérios constantes no artigo 10.º do Decreto-Lei n.º 139/2009, de 15 de junho, republicado pelo Decreto-Lei n.º 149/2015, de 4 de agosto, relativos à importância do «Processo de confeção do Tapete de Arraiolos» enquanto reflexo da identidade da comunidade em que esta tradição se originou e se pratica.

A produção e reprodução que caracterizam o «Processo de confeção do Tapete de Arraiolos» enquanto património cultural imaterial na atualidade traduz-se em práticas transmitidas intergeracionalmente no âmbito da comunidade de artesãs e artesãos do tapete de Arraiolos.

Informação disponível em endereço web: www.matrizpci.dgpc.pt.”