Skip Navigation

Current year

Igreja de Santa Margarida da Serra, paroquial de Santa Margarida da Serra, incluindo o património móvel integrado

Foi publicado no Diário da República n.º 148/2019, Série II de 2019-08-05 a Portaria n.º 476/2019 , que  classifica como monumento de interesse público a Igreja de Santa Margarida da Serra, paroquial de Santa Margarida da Serra, incluindo o património móvel integrado, em Santa Margarida da Serra, União das Freguesias de Grândola e Santa Margarida da Serra, concelho de Grândola, distrito de Setúbal.

Original de planta


Antigo Convento de Nossa Senhora do Carmo

Foi publicada no Diário da República n.º 134/2019, Série II de 2019-07-16 a Portaria n.º 428/2019  que classifica como monumento de interesse público o Antigo Convento de Nossa Senhora do Carmo, em Freixinho, União das Freguesias de Penso e Freixinho, concelho de Sernancelhe, distrito de Viseu.

Original de planta


Obras militares que constituem o conjunto classificado «Linhas de Torres Vedras»

Foi publicada no Diário da República n.º 86/2019, Série II de 2019-05-06, a Portaria n.º 308/2019, que fixa as restrições a que ficam sujeitas as obras militares que constituem o conjunto classificado «Linhas de Torres Vedras».

Plantas


Cervejaria Solmar, incluindo o património móvel integrado

Foi publicada no Diário da República n.º 70/2019, Série II de 2019-04-09, a Portaria n.º 236/2019 , que classifica como monumento de interesse público a Cervejaria Solmar, incluindo o património móvel integrado, sita na Rua das Portas de Santo Antão, 106 a 108 A, Lisboa, freguesia de Arroios, concelho e distrito de Lisboa.

Original de planta


Torre e a Casa de Gomariz

Foi publicada no Diário da República n.º 70/2019, Série II de 2019-04-09 Portaria n.º 235/2019  que classifica como monumento de interesse público a Torre e a Casa de Gomariz, no lugar do Castelo, freguesia de Cervães, concelho de Vila Verde, distrito de Braga

Original de planta

Conjunto das 1.ª e 2.ª Linhas de Defesa a Norte de Lisboa durante a Guerra Peninsular, também conhecidas como Linhas de Torres Vedras

Foi publicado no Diário da República n.º 61/2019, Série I de 2019-03-27, o Decreto n.º 10/2019, que classifica como «monumento nacional» o conjunto das 1.ª e 2.ª Linhas de Defesa a Norte de Lisboa durante a Guerra Peninsular, também conhecidas como Linhas de Torres Vedras.


Igreja da Misericórdia de Caminha

Foi publicado no Diário da República n.º 54/2019, Série II de 2019-03-18, a Portaria n.º 209/2019, que classifica como monumento de interesse público a Igreja da Misericórdia de Caminha, no Largo Calouste Gulbenkian, Caminha, União das Freguesias de Caminha (Matriz) e Vilarelho, concelho de Caminha, distrito de Viana do Castelo.

Original de planta


Complexo Arqueológico dos Perdigões

Foi publicada no Diário da República n.º 42/2019, Série II de 2019-02-28, a Portaria n.º 183/2019 que fixa a Zona Especial de Proteção e as restrições aplicáveis ao Complexo Arqueológico dos Perdigões, classificado como sítio de interesse nacional e designado como «Monumento Nacional»

Original de planta


Igreja e o Convento da Franqueira

Foi publicada no Diário da República n.º 35/2019, Série II de 2019-02-19, a Portaria n.º 152/2019, que classifica como monumento de interesse público a Igreja e o Convento da Franqueira, no lugar do Senhor da Fonte da Vida, freguesias de Pereira e Gilmonde, concelho de Barcelos, distrito de Braga.

Original de planta


Complexo Arqueológico dos Perdigões

Foi publicado no Diário da República n.º 19/2019, Série I de 2019-01-28, o Decreto n.º 2/2019, que classifica como sítio de interesse nacional o Complexo Arqueológico dos Perdigões.

Original de planta


Igreja da Sagrada Família, ou Igreja do Bairro da Tabaqueira, incluindo o património móvel integrado

Foi publicado no Diário da República n.º 10/2019, Série II de 2019-01-15, a Portaria n.º 81/2019, que classifica como monumento de interesse público a Igreja da Sagrada Família, ou Igreja do Bairro da Tabaqueira, incluindo o património móvel integrado, em Albarraque, freguesia de Rio de Mouro, concelho de Sintra, distrito de Lisboa.

Original de planta


Palacete Ribeiro da Cunha, incluindo o jardim

Foi publicada no Diário da República n.º 10/2019, Série II de 2019-01-15, a Portaria n.º 80/2019, que classifica como monumento de interesse público o Palacete Ribeiro da Cunha, incluindo o jardim, sito na Praça do Príncipe Real, 26, e na Calçada da Patriarcal, 40, Lisboa, freguesia de Santo António, concelho e distrito de Lisboa.

Original de planta